23 de abril de 2010

De onde vêm as palavras (3): A dar com um pau


Esta frase, indicando abundância, nasceu no Nordeste. Vindas da África, milhares de aves de arribação, extenuadas pela travessia do Atrântico, pousam nas lavouras em busca de alimento. Chegam cansadas e famintas, quase desabando sobre o solo. Os sertanejos, porém, não têm nada com isso, e aqueles bandos representam séria ameaça às plantações. Ou eles matam as aves ou depois não terão o que comer.

Desaparelhados para o combate, antigamente, os agricultores matavam os pobres pássaros a pau, e não aparecia nenhum ecologista para defender estes bichinhos.

O escritor Joaquim José da França Júnior (1839-1890), patrono da cadeira 12 da Academia Brasileira de Letras, registrou a frase famosa na comédia Direito por linhas tortas: "A mulher tomou sulfatos a dar com um pau".

Fonte: De onde vêm as palavras II

Nenhum comentário: