30 de junho de 2010

Regência Verbal - parte 2

Verbos que apresentam mais de uma regência

Como aprendemos na nossa primeira postagem sobre Regência Verbal, há verbos que regem preposições, mesmo achando que não regia nada, e outros que não regem preposição alguma que, para nossa decepção, achávamos que regia sim.

Nesta postagem, veremos alguns verbos mais usuais em nosso dia a dia que pedem mais de uma regência. Não dá para colocar todos, pois a lista é grande. O restante estará na postagem seguinte, que encerrará esta sequência sobre Regência Verbal.

  • Agradar
a) No sentido de "acariciar", "afagar", exige complemento sem preposição:

Deitou-se na rede e pôs-se a agradar o gato.
                                                  VTD       OD

b) No sentido de "contentar", "satisfazer", é mais usado com complemento regido da preposição a:

O desempenho do artista agradou a todos.
                                           VTI           OI
  • Aspirar
a) No sentido de "inspirar", "sorver", exige complemento sem preposição:

Ela aspirou o aroma das flores.
          VTD                   OD

Naquele lugar, todos aspiram um ar poluído.
                                               VTD                OD

b) No sentido de "almejar", "pretender", exige complemento com a preposição a:

A funcionária aspirava ao cargo de chefia
                           VTI                   OI

O candidato aspirava a uma posição de destaque.
                                VTI                           OI

  • Assistir
a) No sentido de "dar assistência", dar ajuda", é utilizado, de preferência, com complemento sem preposição:

Uma junta médica assistiu o paciente
                                         VTD            OD

A nova política agrária procurará assistir o trabalhador rural.
                                                                           VTD                    OD

b) No sentido de "ver", "presenciar", exige complemento com a preposição a:

Assistimos a um filme.
        VTI                OI

Assisti a uma partida de tênis.
     VTI                   OI

c) No sentido de "caber", "pertencer", exige complemento com a preposição a:
É um direito que assiste ao trabalhador.
                                      VTI                 OI

Tal direito assiste ao aluno.
                          VTI           OI

  • Atender
a) No sentido de "acolher", "dar atenção a", é empregado com complemento sem preposição:

O vendedor atendeu o cliente.
                               VTD          OD

b) No sentido de "responder", "tomar em consideração", deve ser empregado, preferencialmente, com complemento regido pela preposição a:

O artista atendeu ao pedido do público.
                         VTI                         OI

O médico atendeu a um chamado urgente.
                             VTI                        OI

  • Chamar
a) No sentido de "convocar", "mandar vir", exige complemento sem preposição.

O técnico chamou os jogadores.
                           VTD           OD

Chame os trabalhadores.
    VTD               OD

b) No sentido de "cognominar", dar nome", exige indiferentemente complemento com ou sem a preposição a e predicativo com ou sem preposição de:

Chamei Pedro de tolo.
     VTD       OD     Predicativo

Chamei Pedro tolo.
      VTD       OD     Predicativo

Chamei a Pedro de tolo.
  VTI              OI       Predicativo

Chamei a Pedro tolo.
      VTI          OI      Predicativo

Nenhum comentário: