6 de maio de 2010

De onde vêm as palavras (7): Conversa mole para boi dormir

Significando assunto sem importância, esta frase nasceu quando o boi era tão importante que dele só não se aproveitava o berro. Tratado quase como pessoa, com ele, os pecuaristas conversavam, não, porém, para fazê-lo dormir.

Nas touradas, quando o boi ainda é touro, até sua fúria compõe o espetáculo. Na Copa de 1950, o Brasil venceu a Espanha por 6 a 1 e quase 200 mil pessoas coantaram Touradas em Madri, de Carlos Alberto Ferreira Braga, o Braguinha, que termina com este verso:

"Queria que eu tocasse castanholas e pegasse um touro a unha/caramba, caracoles/não me amoles/pro Brasil eu vou fugir/isso é conversa mole/para boi dormir."

Fonte: De onde vêm as palavras II

Nenhum comentário: