14 de junho de 2013

Ah! Conjunções trocadas...


As conjunções existem para unir orações, apresentando vários sentidos como causa, consequência, contrariedade, adição, explicação etc. Mas isso é um problema para os redatores da internet, como podemos ver.

A conjunção “mas”, apresentada na oração acima, tem sentido de oposição, por isso é chamada de adversativa pela gramática; portanto, só pode ser usada em orações com sentidos de oposição à oração anterior.

Na oração do exemplo, a segunda oração, com a conjunção “mas”, ficou estranha nessa frase. Se o redator estivesse dizendo que o jogador brasileiro fatura também vendendo cueca, substituiria a conjunção “mas” por uma aditiva: e. Vejam como ficaria a frase com a conjunção substituída: “Neymar torra milhões com cabelo, mansões e carros... E fatura até com cueca”.

Assim, dá pra entender que o jogador brasileiro, além de ganhar muito dinheiro jogando bola, fatura também fazendo comercial de cueca.

Nenhum comentário: